Como fazer a manutenção correta de uma piscina

A limpeza com a água não significa necessariamente que a piscina esteja em boas condições de uso. Para garantir a qualidade e o bem-estar dos usuários, é preciso uma séria de precauções, principalmente nas épocas mais frias do ano, pois existe sempre o risco da transmissão de doenças como: micose, herpes e hepatite.

Além disso, o mosquito Aedes Aegypti continua sendo uma preocupação constante. O roteiro para realizar a limpeza é simples: retirar o material suspenso na água com a ajuda de uma peneira, limpar as bordas, filtrar a água pelo período mínimo de seis horas todos os dias, examinar o pH e alcalinidade da água com medidor adequado e manter o teor de cloro entre 1 e 3 ppm. Recomenda-se o aumento da aplicação de cloro pelo menos uma vez por semana para garantir a eliminação de todos os agentes indeseháveis, bem como verificar a integridade de filtros, areia, bomba e tubulações. Vale lembrar que mesmo nos casos de utilização de tratamentos alternativos, como ionização e salinização, o uso de uma dosagem mínima de cloro é obrigatório.

Segue um passo-a-passo mais detalhado

1. O primeiro passo é limpar a área ao redor da piscina.

É preciso varrer sempre no sentido oposto ao da piscina. Isso evitará que a sujeira caia dentro da água e, consequentemente, prejudique seu tratamento.

Caso ela esteja coberta com lona, eliminar o máximo de água que ficou acumulada em cima da proteção bem como toda sujeira que se depositou. Nunca jogar a sujeira acumulada dentro da piscina. Quando necessário, escove as paredes da piscina e nunca utilize palha de aço, escovas metálicas e esponjas abrasivas.

A seguir, limpar as bordas da piscina usando um Limpa Bordas apropriado . Basta colocar o Limpa Bordas em uma esponja macia e não abrasiva e esfregar as áreas a serem limpas até a remoção da sujeira. Depois é só enxaguar essas áreas com a própria água da piscina. Não se preocupe com a sujeira que caiu na água devido a esse procedimento.

O Limpa Bordas é biodegradável e possui pH neutro. É importante lembrar que somente produtos destinados a esse fim devem ser utilizados. Verificar todo seu equipamento para ter certeza que está tudo em ordem. Não esquecer de limpar o Skimmer (ou coadeira) se houver e o pré-filtro.

2. Tratamento da Piscina

1ºPasso:

  • somente a desinfecção com cloro pode garantir água saudável e sem riscos para banhistas;
  • o cloro é apresentado sob diversas formas e cada uma delas tem suas características típicas de utilização; por isso, o primeiro passo é escolher que tipo de cloro será usado na desinfecção; o cloro mais usado, devido a sua praticidade e poder de desinfecção, é o cloro granulado HTH.

2ºPasso:

  • verifique se todos os equipamentos estão funcionando perfeitamente, inclusive conjunto filtrante e demais acessórios;
  • analise o pH da água com a fita teste HTH, se estiver fora da faixa 7,2 a 7,8, ajuste para esta faixa usando o HTH elevador de pH para aumentá-lo e o HTH redutor de pH para baixá-lo;
  • analise a alcalinidade total (quantidade de bicarbonatos na água) com a fita teste HTH; o ideal é ficar na faixa de 80 a 100 ppm (partes por milhão); ajuste para a faixa ideal usando HTH elevador de alcalinidade para aumentá-lo e o HTH redutor de pH para baixá-lo; Nota: cada 17 gramas de HTH elevador de alcalinidade para cada 1000 litros, eleva a alcalinidade em 10 ppm.
  • faça a oxidação de choque, utilizando o cloro granulado HTH na proporção de 10 gramas para cada 1000 litros de água;
  • para economizar na energia, aplique em seguida 5 ml/cada 1000 litros, de HTH maxfloc e deixe a filtração funcionando de 6 a 8 horas seguidas;
  • faça a limpeza da borda da piscina, usando uma esponja umedecida com HTH limpa bordas; Nota: dissolver bem a quantidade de cloro necessária em um balde com água da própria piscina, para evitar que os grânulos se depositem no fundo causando manchas principalmente em piscinas de vinil e fibra.
  • repita a dosagem de cloro a cada 2 dias usando a metade da dosagem de choque;
  • repita a dosagem de HTH clarificante maxfloc 1 vez por semana usando a metade da dosagem de choque.

3ºPasso:

  • acione a filtração diariamente de 6 a 8 horas seguindo as instruções do fabricante e o dimensionamento do seu filtro;
  • analise semanalmente a alcalinidade total e o pH; ajuste-os se estiverem fora do padrão;
  • adicione semanalmente 5 ml de hth algicida de manutenção, para cada 1000 litros, para evitar a formação de algas.

Algas são um problema muito comum em águas de piscinas, e não há nada que possa impedir que elas apareçam; porém, existem formas de impedir que elas encontrem um ambiente favorável ao seu desenvolvimento. Para isso é necessário manter o nível de cloro residual livre na água entre 2 e 4 ppm; manter o pH e a alcalinidade dentro dos limites favoráveis.

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)

Receba promoções em tempo real

Cadastre seu e-mail e receba futuras dicas e promoções de Como fazer a manutenção correta de uma piscina em tempo real:

Qual a sua dúvida?